terça-feira, janeiro 23, 2007

A SAGA DA AL QAEDA NO BRASIL

Al Qaeda queria explodir Cristo Redentor.
(Washington - CNN Special)
Documentos mantidos em sigilo pela Polícia Federal do Brasil revelam que a Al Qaeda, de Osama bin Laden, ordenou a execução de um atentado no Brasil.
O alvo da ação seria a estátua do Cristo Redentor, um dos símbolos mais conhecidos do Rio de Janeiro.
Bin Laden destacou dois mujahedins para o seqüestro de um avião que seria lançado contra a “Estátua-símbolo dos infiéis cristãos".
Hora a hora, a frustração...
Os registros da Polícia Federal dão conta de que os dois terroristas chegaram ao Rio no domingo, 5 de setembro, às 21h47m, num vôo da Air France.
A missão começou a sofrer embaraços já no desembarque, quando a bagagem dos muçulmanos foi extraviada, seguindo num vôo para o Paraguai.
Após quase seis horas de peregrinação por diversos guichês e dificuldade de comunicação em virtude do inglês ruim, os dois saem do aeroporto, aconselhados por funcionários da Infraero a voltar no dia seguinte, com intérprete.
Os dois terroristas apanharam um táxi pirata na saída do aeroporto.
O motorista, percebendo que eram estrangeiros, rodou duas horas dando voltas pela cidade, até abandoná-los em lugar ermo da Baixada Fluminense.
No trajeto, ele parou o carro e três cúmplices os assaltaram e espancaram.
Eles conseguiram ficar com alguns dólares que tinham escondido em cintos próprios para transportar dinheiro e pegaram carona num caminhão que entregava gás.
Na segunda-feira, às 7h33m, graças ao treinamento de guerrilha no Afeganistão, os dois terroristas conseguem chegar a um hotel de Copacabana.
Alugaram então um carro e voltaram ao aeroporto, determinados a seqüestrar logo um avião e jogá-lo bem no meio do Cristo Redentor.
Enfrentam um congestionamento monstro por causa de uma manifestação de estudantes e professores em greve...
e ficaram três horas parados na Avenida Brasil, altura de Mangüinhos, onde seus relógios são roubados em um arrastão.
Às 12h30m, resolvem ir para o centro da cidade e procuram uma casa de câmbio para trocar o pouco que sobrou de dólares. Recebem notas de R$ 100,00 falsas, dessas que são feitas grosseiramente a partir de notas de R$ 1,00.
Por fim, às 15h45m, chegam ao Tom Jobim para seqüestrar um avião.
Os pilotos da VARIG estão em greve por mais salário e menos trabalho.
Os controladores de vôo também pararam (querem equiparação com os pilotos).
O único avião na pista é da Transbrasil, mas está sem combustível.
Foi fretado pela Soletur.
Aeroviários e passageiros estão acantonados no saguão do aeroporto, tocando pagode e gritando slogans contra o governo.
O Batalhão de Choque da PM chega batendo em todos, inclusive nos terroristas.
Os árabes são conduzidos à delegacia da Polícia Federal no Aeroporto, acusados de tráfico de drogas, em face de flagrante forjado pelos policiais, que "plantaram" papelotes de cocaína nos bolsos dos dois.
Às 18 horas, aproveitando o resgate de presos feito por um esquadrão de bandidos do Comando Vermelho, eles conseguem fugir da delegacia em meio à confusão e ao tiroteio.
Às 19h05m, os muçulmanos, ainda ensangüentados, se dirigem ao balcão da VASP para comprar as passagens.
Mas o funcionário que lhes vende os bilhetes omite a informação de que os vôos da companhia estão suspensos por tempo indeterminado.
Assim como as aeronaves.
Eles, então, discutem entre si: começam a ficar em dúvida se destruir o Rio de Janeiro, no fim das contas, é um ato terrorista ou uma obra de caridade.
Às 23h30m, sujos, doloridos e mortos de fome, decidem comer alguma coisa no restaurante do aeroporto.
Pedem sanduíches de churrasquinho com queijo de coalho e limonadas.
Só na terça-feira, às 4h35m, conseguem se recuperar da intoxicação alimentar de proporções eqüinas, decorrente da ingestão de carne estragada usada nos sanduíches.
Foram levados para o Hospital Miguel Couto, depois de terem esperado três horas para que o socorro chegasse e percorresse os hospitais da rede pública até encontrar vaga.
No HMC foram atendidos por uma enfermeira feia, grossa, gorda e mal-humorada.
Eles teriam de esperar dois dias para serem examinados, se não fosse pelo cólera causado pela limonada feita com água contaminada por coliformes fecais.
Debilitados, só terão alta hospitalar no domingo.
Domingo, 18h20h: os homens de bin Laden saem do hospital e chegam perto do estádio do Maracanã.
O Flamengo acabara de perder para o Paraná Clube, por 6x0.
A torcida rubro-negra confunde os terroristas com integrantes da galera adversária (que havia ido de Kombi ao Rio) e lhes dá uma surra sem precedentes.
Ao verem uma barraca de venda de bebida nas proximidades, decidem se embriagar uma vez na vida mesmo que seja pecado, Alá que se dane ) !!!
Tomam cachaça adulterada com metanol e precisam voltar ao Miguel Couto.
Segunda-feira, 23h42m: os dois terroristas fogem do Rio escondidos na traseira de um caminhão de eletrodomésticos, assaltado horas depois, na Serra das Araras.
Desnorteados, famintos, sem poder andar e sentar, eles são levados pela van de uma Ong ligada a direitos humanos para São Paulo.
Na capital paulista perambulam o dia todo à cata de comida.
Cansados, acabam adormecendo debaixo da marquise de uma loja no Centro.
A Polícia Federal ainda não revelou o hospital onde os dois foram internados em estado grave, depois de espancados quase até a morte por um grupo de mata-mendigos.
O porta-voz da PF declarou que, depois que os dois saírem da UTI, serão recolhidos ao setor de imigrantes ilegais, em Brasília,
onde permanecerão até o Ministério da Justiça autorizar a deportação dos dois infelizes, se houver verba, é claro.
Os dois ficaram tão apavorados com o Brasil que só pensam em ir embora, mas falaram em arrumar um convênio para mandar o pessoal da Al Qaeda, treinar aqui !!!

10 comentários:

Alequites disse...

Opa!
Tenha um ótimo dia, sem qualquer violência...
Beijos

marisanblog disse...

Xico,

Estou por aqui, tá!?

Abraços e risos.

Mari

Xico Rocha disse...

Legal, voce sumiu.
Ja de volta ao trabalho?

citadinokane disse...

Pô! Quando a gente se espanta, tu já partiste para a África, atrás dos diamantes angolanos?
Abraços companheiros, e não esqueça de tirar uma foto com "a morena de Angola que leva um chocalho amarrado na canela..."
Pedro

Mikas disse...

Oi, antecipação de desejos de bom fim de semana

asn disse...

Ena Xico, mas que grande tramóia que voçês pregaram aos homens sanguinários e supertreinados para todas as emergências, morte incluída, do fantasmagórico bin laden!
Bem pensado, eles que se reorganizem e montem as suas bases de treino por esses lados!
Uffff que fiquei cansadíssimo com tantas trapalhadas em que os coitados se meteram aí no Brasil!
Provavelmente nem porão jamais essa hipótese rocambolesca de se meterem com esse maralhal!
Puxa vida papagaio!
António

yosipuedo disse...

Saludos Xico.

Bush es un Pinocho al que le hacrecido la narìz mintiendo sobre Irak. Ahora lo han confesado.
Hasta siempre

Flor disse...

XICO! VIM AQUI PARA DAR UMAS RISADAS, CADE VOCE? ESTA DE FERIAS???? TA PIOR QUE EU - POSTEI DIA 07/02 - E VOCE, CADE?????

Xico Rocha disse...

Amiga Flor, estou no Continente africano, estou buscando minhas raizes.
Logo logo voltarei a postar.
Xico Rocha

Unknown disse...

Excelentíssima Senhora Presidenta da República Federativa do Brasil Dra. Dilma Vana Rousseff,

Emenda as Denúncias Apresentadas nos dias 24 de Abril de 2012, 15 de Maio de 2012, 15 de Outubro de 2012 e 28 de Janeiro de 2013 (todas com protocolo da Delegacia da Polícia Federal em Curitiba) e outros enviadas via e-mail.

Venho através desta solicitar a sua atenção e ajuda em um caso de Extrema Urgência relacionado a tortura e tentativa de assassinato que requere atenção imediata.

O objetivo deste relato é pedir para que a Sra. apresente este caso ao povo brasileiro em um Comunicado Especial da Presidência, nesta Sexta-Feira durante a abertura do Jornal Nacional das 20:00 horas, e que este comunicado seja transmitido a cada duas horas até as 24:00 horas do Domingo (as fotos dos procurados devem ser apresentadas ao povo brasileiro durante o comunicado), e a importância de combater atos de terrorismo deve ser salientada ao máximo.

Este caso deve ser transformado em Prioridade Máxima da PFB e ABIN, existem crianças entre as vítimas.

Estou sendo torturado por psicopatas que identificaram-se através do sistema de Monitoramento Neurológico Remoto (RNM) como Ariel Zugman (Eichmann), Ana Zugman, Ilan Zugman, Tali Zugman, Salmo Zugman (médico-Mengele) e Fernando Potrik.

Através do Sistema de Monitoramento Remoto é possível torturar, manipular, intimidar e até mesmo assassinar empresários competidores e representantes do governo.

Os membros da quadrilha utilizam durante as torturas nomes de amigos de infância porque são rejeitados sociais, e a Ana Zugman durante as torturas pretende ser uma menina maniaca psicopata sexual.

A parte mais asquerosa é o assédio sexual, os dois são um casal que procura através do RNM parceiros para satisfazer suas fantasias sexuais, e com certeza este foi o principal motivo que os levou a iniciar este monitoramento e tortura; São maníacos psicopatas sexuais obcecados e estão me torturando remotamente há mais de dezoito meses, com comentários abusivos relacionados a partes íntimas do meu corpo, tortura psicológica diurna e principalmente noturna, motivação ao suicídio e invasão de privacidade total com comentários cruéis e promíscuos, invasão de e-mails e conexões de internet em geral.

Os mesmos através do sistema RNM estão invadindo e manipulando todo e qualquer raciocínio, pensamento ou memória que passa pelo meu cérebro e me torturando fisicamente através de uma agressão direta ao meu sistema digestivo bloqueando o meu intestino e destruindo o meu figado e rins.

Este sistema de monitoramento e tortura pode enviar diretamente sinais codificados para o córtex auditivo do cérebro, ignorando a orelha, e também transmite comandos para o subconsciente do torturado, produzindo distúrbios visuais, alucinações visuais, manipulando e lendo as emoções, pensamentos, memórias e sonhos a distância, e pode causar dor a qualquer nervo do corpo.

Esta tecnologia zomba completamente do poder jurídico, medicina, procedimentos de segurança, instituições e direitos humanos.

Os direitos humanos universais, o direito do estado e da democracia, estão sendo completamente violados, e as autoridades não reconhecem publicamente tal tecnologia, e não oferecem transparência nas investigações ou analises de tais violações.

Para todos os preocupados com direitos humanos, liberdade, privacidade, democracia (em todos os aspectos e graus de liberdade humana), individualidade e integridade física e mental, esta tecnologia agride e não deixa provas do abuso.

As preocupações e os riscos causados por este sistema de tortura são apontadas por agências de direitos humanos em todo o mundo como uma violação da privacidade e dignidade dos direitos humanos fundamentais.

Respeitosamente,

Gino Barcal.

PS: Mais informações podem ser obtidas nos sites:

https://www.facebook.com/pages/Neural-Weapons-RNM-Remote-Neural-Monitoring/309180162561405