sábado, dezembro 18, 2010

JORGE LUIS BORGES


Sempre que encontro algo que acho interessante, gosto de compartilhar, e este poema de Jorge Luis Borges é um dos que acho bonito, (há quem diga que é de uma escritora norte-americana chamada Nadine Stair), acho que não importa, vale mesmo a beleza da poesia.


             MOMENTOS
Se eu pudesse viver minha vida novamente,
na próxima trataria de cometer mais erros.
Não tentaria ser tão perfeito, relaxaria mais.
Eu seria mais tolo do que fui, de fato, levaria as coisas menos a sério.
Seria menos higiênico, correria mais riscos, viajaria mais,
contemplaria mais entardeceres, subiria mais montanhas,
nadaria mais rios, iria a mais lugares que eu nunca estive,
mais sorvete e menos lentilha teria mais problemas reais e menos imaginários ...
Eu fui uma daquelas pessoas que viveu sensata e produtivamente cada minuto da sua vida.
Claro que tive momentos de alegria.
Mas se eu pudesse voltar trataria somente de ter bons minutos.
No caso de você não saber, que a vida é feita só de momentos.
Não perca o agora.
Eu era um desses que nunca ia a parte alguma sem um termômetro,
uma garrafa de água quente, guarda-chuva e um pára-quedas.
Se você pudesse reviver viajaria mais leve.
Se eu pudesse voltar a viver começaria a andar descalço
do início da primavera e continuaria até o fim do outono.
Caminharia mais, contemplaria mais entardeceres
e brincaria com mais crianças
Se eu tivesse outra vida pela frente.
Mas você vê, eu tenho 85 anos
e eu sei que estou morrendo.

5 comentários:

citadinokane disse...

Feliz Natal meu irmão!

yiriangarciadelatorre disse...

Hago muchas cosas por acá: http://www.facebook.com/profile.php?id=1586294662&v=wall
eso me ha hecho descuidarme un poquito, aunque en mi blog sigo poniendo poemas y trabajos de la radio, lo que se me ocurre. Paso por aquñi porque siempre es un placer visitarte y para desearte feliz navidad y próspero año nuevo.

yiriangarciadelatorre disse...

El poema es de Broges, según tengo entendido, olo conoczco como de él.

yiriangarciadelatorre disse...

Borges.

M@ri Alquimia disse...

Xico,

Feliz Natal pra você e família!

Bjs.

M@ri